• Allan Machado
  • CGN

11 Fevereiro 2014 | 11h09min

O delegado-adjunto Pedro Fernandes de Oliveira falou sobre a morte de Nolar Martins, 54 anos. O homem foi levado ao IML de Cascavel na manhã de ontem (10).

Ele teria sido amordaçado, amarrado, morto a tiros e depois queimado. O corpo foi encontrado em uma estrada rural na cidade de Capitão Leônidas Marques. A Delegacia ainda não tem informações sobre o autor do crime, mas já possui algumas linhas de investigações.

A delegacia recebeu informações de que Nolar teria passagens por estupro de vulnerável, mas ainda não tem como confirmar se a morte tem ligação a essas passagens.

Carregar mais notas ao vivo
6 comentários
Mostrar Mais
Envie seu comentário