• Luana Monteiro
  • CGN

11 Abril 2013 | 09h41min

O assassino confesso da morte da menina Rafaela Eduarda Trates, Gilmar de Lima já teve alta do Hospital Universitário. O padrasto da criança voltou à carceragem da 15ª SDP (Subdivisão Policial).

O homem foi espancado na noite de ontem por presos que dividiam a cela com ele. Os detentos ficaram revoltados com a atrocidade cometida por Gilmar e o espancaram. Os ferimentos só não foram mais graves porque os agentes de cadeia pública o retiraram e acionaram o socorro.

Carregar mais notas ao vivo
93 comentários
frutinha 12/04/2013 23:30h
2
0
Tem que jogar acido na cara dele é dela, desfigurar eles. nunca mais vão se sentir gente ... Terão a cara do lixo podre de cascavel. Responder este comentário
marcio 12/04/2013 21:27h
0
0
olha que deus tenha misericordia dessa pessoa eu nao posso julgalo pois a so um que julga cujo o nome e deus nao estou defendendo esse margi Responder este comentário
Dom Mauro 12/04/2013 20:21h
3
8
AGUENTA FIRME IRMÃO, TAMO JUNTO! JESUS TEM SEMPRE ESPAÇO PRAS OVELHAS DESGARRADAS! ABRAÇO, FICA DOM DEUS! Responder este comentário
alan 12/04/2013 16:16h
2
0
nao tem tem q mata tem que sofrer muito ser espancado todo dia enquanto estiver preso um filho d ???? desse Em resposta a thiago (Exibir comentário)
thiago 12/04/2013 15:14h
1
0
tinha q t colocado na sela denovo pra os presos terminarem de mata... nao merece vive um cara desse Responder este comentário
Envie seu comentário