• Mariana Lioto
  • CGN

19 Setembro 2017 | 16h37min

A Prefeitura de Cascavel se posicionou sobre o áudio que circula nesta terça-feira (19), onde um vereador aparece supostamente negociando um cargo dentro da Secretaria de Esportes.

O áudio atribuído a Damasceno Junior afirma que a remuneração seria de mais de R$ 3 mil e dá a entender que o vereador pode indicar o ocupante.

O município entende que “em nenhum momento o vereador diz ou sugere que tenha algum acordo ou garantia do cargo”.

“O município não ofereceu e nem negociou indicação e não temos conhecimento para qual função. Portanto, não houve nomeação. Qualquer pessoa, vereador ou não, pode ter a liberdade de sugerir nomes ao prefeito. Isso acontece diariamente até pelas páginas no Facebook. Alguém sugere ao prefeito que chame alguém que considere qualificado para uma função, para resolver este ou aquele problema. Neste caso específico, o vereador e apenas ele é responsável pela promessa que fez”, diz a prefeitura.

Carregar mais notas ao vivo
84 comentários
Mostrar Mais
Envie seu comentário