• Fábio Wronski
  • Marechal News

17 Julho 2017 | 15h19min

O homem acusado de matar a própria mulher, na frente da casa da suposta amante, em Toledo, se apresentou a Polícia Civil. 

O homem declarou que perdeu a cabeça ao perceber que a mulher estava danificando seu carro.

Rosana foi morta na noite de sábado (15) na frente do filho de 7 anos, na Rua Fioravante Campagnolo. Ela foi alvejada com dois tiros: no pescoço e na região do peito. 

Populares relataram que o autor seria o marido da vítima.

A mulher teria suspeitado da traição do marido e localizou o carro dele na frente da casa da irmã e passou a danificá-lo, momento em que o marido saiu da casa e atirou contra a esposa, que morreu no local.

O corpo de Rosana Aparecida dos Santos, 28 anos, permanece no IML,  à espera de parentes, que seriam do Rio Grande do Sul.


Carregar mais notas ao vivo
7 comentários
Mostrar Mais
Envie seu comentário