Últimas de Cotidiano
  • Há 39 Minutos PM prende dupla com armas e drogas
  • Há 3 Horas Justiça suspende novamente aumento de impostos sobre combustíveis
  • Há 3 Horas Polícia confirma morte dos quatro terroristas procurados por ataques
  • Há 5 Horas Doria xinga Lula e diz que, se ex-presidente é Messi, ele é Neymar
  • Há 6 Horas Socialite que promete doação de R$ 500 mil a Lula não paga condomínio desde 2014
  • Há 6 Horas Lula cita quatro nome para concorrer à Presidência caso ele seja 'condenado'
  • Há 6 Horas Impedido de receber título, Lula improvisa ato com trio em porta de universidade
  • Há 6 Horas Já imaginou o quão embriagado você está durante teste pelo celular?
  • Luana Monteiro
  • Tribuna Popular com Gazeta do Iguaçu

27 Maio 2012 | 19h55min

No final da manhã deste domingo (27), policiais federais em serviço de fiscalização e imigração no Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu, fiscalizaram uma mala de um Búlgaro e o avisaram que a bagagem seria vistoriada de uma forma minuciosa. Ao saber da notícia, o homem de 55 anos sofreu um infarto fulminante e morreu na hora.

Segundo a PF (Polícia Federal), o búlgaro, que seguiria da fronteira até a cidade de São Paulo, e de lá para a Europa, estava tentando embarcar com 1,5 quilo de pasta base de cocaína na mala.

O búlgaro chegou a ser levado para o setor de emergência do terminal, mas não resistiu e morreu.

O corpo do búlgaro deve permanecer no Instituto Médico Legal (IML), onde aguarda familiares para a liberação.

 

Carregar mais notas ao vivo
34 comentários
Mostrar Mais
Envie seu comentário