• Maycon Corazza
  • Paraná Portal

11 Janeiro 2017 | 16h38min

Uma jovem, identificada como Estefanni Ramires, de 19 anos, foi presa, na tarde desta terça-feira (10), na Região Metropolitana de Curitiba (RMC).

Ela foi flagrada correndo a mais de 150 km/hora com uma caminhonete roubada. A jovem tentou fugir, mas foi perseguida e depois reconhecida pela vítima do roubo.

Em entrevista à imprensa, a “ladra gata”, fez questão de arrumar o cabelo e a maquiagem para aparecer no vídeo. E debochou da polícia: “eu só parei por causa do helicóptero, senão não tinha parado… eu não prejudiquei ninguém, e ele já teve o carro dele volta,  então está tudo certo agora (risadas) é esperar a minha audiência agora e vou embora ainda hoje”, debochou.

Como a caminhonete tinha rastreador, os policiais passaram a acompanhar a jovem sem que ela soubesse, até que ela foi parada, na BR-116, já em Campina Grande do Sul, e presa.

A aeronave avistou a picape e repassou a informação às equipes policiais, que realizaram o cerco por terra ao veículo, próximo à fábrica Eternit, divisa com o município de Colombo. O delegado de Campina Grande do Sul, João Marcelo Renk Chagas, comentou que a jovem deve permanecer presa.

“Ela foi detida em flagrante com o veículo roubado na cidade de São José dos Pinhais. Na delegacia, acabou reconhecida pelas vítimas do roubo, como sendo uma das autoras do crime. A segunda pessoa envolvida seria um homem, que não foi identificado”. Informou o delegado.

A arma utilizada no crime também não foi localizada pela equipe policial, suspeitando-se que ela esteja com o comparsa de Estefanni. “A jovem foi autuada por roubo agravado, sem fiança para o caso. Ela fica presa à disposição do poder judiciário”, concluiu.

Popular na Internet ela ostentava 

Popular no Facebook, Estefanni Ramires tem mais de 4 mil seguidores e diz ser natural de Ponta Porã, interior do Mato Grosso do Sul.

A jovem faz apologia a uma vida fácil e gosta de fotos que ostentem mordomias.

Informações são do Paraná Portal.

Carregar mais notas ao vivo
3 comentários
Edard presidente 12/01/2017 14:00h
3
1
Fosse lá um carrinho popular do trabaiador queria ver se o aparato policial ia usar Elicoptero pra prender o ladrão. Responder este comentário
OLIVEIRA 12/01/2017 10:05h
10
0
MAIS UMA BISCATINHA PRA DAR TRABALHO,ISSO SE CHEGAR AOS VINTE ANOS,TENHO PENA DOS PAIS,VER A FILHA DAR NISSO Responder este comentário
bolsonaropresidente2018 11/01/2017 18:12h
28
1
....Com 19 anos ja dando trabalho, vai durar pouco, depois de puxar uns anos de cadeia nao vai ser tão "gata" assim Responder este comentário
Envie seu comentário